Encavalar é uma sub-divisão Go to microchips-tuning website!

244 440 370 | 21 921 9009

PowerBox VS Reprogramação

Para melhor entender este artigo sugerimos a leitura do artigo sobre gestão de motor para melhor entender o que é uma ECU (Unidade de Controlo de Motor ou centralina).

 

Powerbox: consiste num módulo electrónico colocado após a centralina. Quando a centralina emite sinais de controlo, estes sinais são alterados pela powerbox. O sinal em questão é a quantidade de combustível, forçando a injeção de uma quantidade maior de combustível do que a definida pela centralina, o que leva a uma melhor performance.

VANTAGENS:

  • Compatibilidade em veículos antigos: em veículos mais antigos onde não é possível realizar uma reprogramação (devido a não terem ECU ou ao chip desta não pode ser reprogramado) mas que têm bomba injectora electrónica é possível aplicar uma powerbox.
  • Instalação: normalmente é simples, vindo a powerbox com fichas indicadas para o veículo em questão, tratando-se de um trabalho de 10 minutos sem ferramentas.
  • Configuração: normalmente permite alternar entre o modo normal e performance através de um simples botão.
  • Interferência: como pode ser removida a qualquer altura e não altera o estado inicial do veículo (software da centralina), não interfere com a garantia, sendo que pode despontar erros ou logs na centralina que podem levar um profissional de assistência a assumir que o motor operou fora das condições de garantia, ficando a mesma sem efeito.

DESVANTAGENS:

  • Abrangência: a powerbox apenas altera a quantidade de combustível injetado, deixando fora da equação limites de pressão do turbo ou parâmetros similares. Isto pode levar o veículo a entrar em limp mode (modo de segurança) ou mesmo a ultrapassar limites não controlados, pondo a integridade do motor em causa.
  • Fumo: a injeção de combustível exagerado provocada pela powerbox origina o famoso fumo preto que se nota em motores diesel.
  • Consumos: se no ponto anterior se indica uma injeção exagerada de combustível, este não está a ser consumido da forma mais eficiente.
  • Qualidade: não obstando o facto de que existem powerboxes fabricadas com controlo de qualidade e submetidas a testes, também é um facto que existem muitos produtos online sem qualquer controlo e cujas proclamações não correspondem à verdade.

 

Reprogramação: consiste na re-escrita do software da centralina com o objectivo de atingir a melhor performance tendo sempre em conta a salva-guarda dos componentes. Com a reprogramação advém um conjunto de testes realizados no veículo ou num veículo igual, quer sejam no banco de potência quer em estrada.

VANTAGENS:

  • Instalação: feito pelo prestador do serviço e portanto o dono do veículo não faz nada. Tempo varia com o veículo mas pode ser tão breve como uma hora.
  • Performance: feita à medida para cada veículo e controlando todos os componentes do motor, uma centralina reprogramada irá obter sempre melhores prestações do que a powerbox.
  • Segurança: uma centralina reprogramada consegue controlar todas as alterações efectuadas, gerindo o motor de forma segura.
  • Consumos: uma centralina reprogramada permite melhores consumos devido à sua gestão optimizada da quantidade de combustível a injectar VS o aumento linear proprocionado pela powerbox.
  • Fumo: uma centralina reprogramada para uma aplicção normal (descarta-se aqui reprogramações que apenas visam aumento máximo da potência e num ambiente de competição) não traz qualquer aumento de fumo.
  • Preço: na Encavalar ofereçemos reprogramaçõe profissionais ao melhor preço do mercado, para que nem equacione ter de comprar um produto de menor qualidade como uma powerbox.

DESVANTAGENS:

  • Configuração: a reprogramação não permite alternar entre um modo “normal” e um mode “performance” de maneira fácil que implica sempre um re-escrita de software. Mas sendo a reprogramação algo que traz mais potência, menores consumos e emissões de poluentes, voltar para um modo “normal” torna-se uma decisão sem grande sentido.
  • Garantia: a reprogramação de uma centralina enquanto o veículo se encontra no período de garantia pode levar à perda da mesma pelo simples facto que o fabricante pode reparar nas alterações no software da centralina. Note que a centralina pode ser re-escrita com o software original a qualquer momento.

Sem comentários

Deixar comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Promoção
Loading..